25 de abr de 2011

OM NAMO BHAGAVATE - mantra



Este mantra é um dos vários mantras que existem e que evocam Krishna.

OM NAMOH BHAGAVATE VASUDEVAYA

OM significa a vibração dimensional que flui e penetra a todos e todas as coisas.
NAMO significa agradecendo ou reverenciando o poder divino.
BHAGAVATE é o respeito ao Senhor.
VASUDEVAYA é o nome da famíla que Krishna surgiu na Terra. O Ya no fim significa uma caracteristica ativa do mantra, masculina.

Quando alguém canta este mantra por inteiro, ele invoca Krishna como um homem, que também viveu na Terra e sabe das dificuldades de todos nós

Segue vídeo do youtube com este mantra interpretado por Deva Premal... 

24 de abr de 2011

Linhaça e seus benefícios





A linhaça é a semente do linho, pertencente à família das Lináceas, pode ser encontrada tanto na variedade dourada quanto na marrom, em termos de nutrientes elas são bastante equivalentes, mas a digestibilidade da dourada é melhor.

Esta semente se destaca pela presença de ácidos graxos essenciais: ômega 3 e ômega 6.

Confira alguns de seus benefícios:

• ação anti-inflamatória, 
• auxilia na diminuição do colesterol, 
• auxilia na diminuição do triglicérides,
• melhora a estabilidade da membrana cerebral e a transmissão de serotonina, dopamina e norepinefrina, diminuindo desta forma os sintomas depressivos, a agressividade e melhorando o desenvolvimento cognitivo,

• auxilia no emagrecimento e na regularização do intestino pela quantidade de fibras tanto solúveis quanto insolúveis.

A linhaça ainda possui lignana, que tem ação fitoestrogênica (semelhante ao estrógeno), o que auxilia na diminuição dos sintomas da menopausa.

A vitamina E e outros compostos fenólicos presentes nesta semente proporcionam a sua atividade antioxidante.

Há estudos também que comprovam o uso da linhaça na prevenção de câncer de mama.

A quantidade sugerida para a obtenção de todos estes benefícios é em torno de 30g, o que equivale a 1 colher (sopa) da semente triturada.

Uma sugestão de uso é colocar 1 colher (sopa) de linhaça em um copo de água, por 1 noite, e na manhã seguinte bater a água e a semente com algum suco de frutas, desta forma você irá aproveitar não somente os benefícios do óleo da linhaça, mas também as fibras e as ligninas.

Se optar por ingerir na forma triturada, o ideal é comprar o grão e triturar a quantidade que irá consumir no máximo por 1 semana, após a trituração, conserve em recipiente de vidro, lacrado e na geladeira por no máximo 7 dias.

Fonte: EMEX

14 de abr de 2011

Chacras








A harmonização dos chacras pode acontecer através de diversas técnicas, entre elas : a cromoterapia, cristaloterapia, musicoterapia, aromaterapia, meditação e reiki.

Chacra em sânscrito significa "roda da vida" ou "círculo de fogo", são vórtices de energia e força, que, em desequilíbrio, acarretam distúrbios físicos, emocionais, mentais e espirituais.

Chacras são centros de energia e força que ligados às glândulas de secreção interna equilibram o funcionamento do organismo.



Chakra Básico (Muladhara) - responsável pela sobrevivência (corpo físico).

Cor : Vermelho

Mantra: LAM


Chakra Umbilical (Swadhistana) - responsável por tudo que atraímos.

Cor : Laranja

Mantra: VAM


Chakra Plexo Solar (Manipura) - responsável pelo poder pessoal

Cor: Amarelo / Dourado


Mantra: RAM



Chakra Cardíaco (Anahata) - responsável pelo sentimento, se encontra integrado ao amor, a paz e coletividade.

Cor: Verde

Mantra: YAM



Chakra Laríngeo (Vishuddha) - responsável pela comunicação e expressão com o mundo.

Cor: Azul

Mantra: HAM



Chakra Frontal (Ajnã) - responsável pela consciência. Relaciona-se com a intuição, percepção, observação.

Cor: Azul índigo

Mantra: OM



Chakra Coronário (Sahashara) - responsável pela consciência despertada, insights e iluminação.

Cor: Violeta /branco

Mantra: SHAM



6 de abr de 2011

Mensagem - Madre Teresa




Muitas vezes as pessoas são egocêntricas, ilógicas e insensatas.
Perdoe-as assim mesmo.

Se você é gentil, as pessoas podem acusá-lo de egoísta, interesseiro.
Seja gentil, assim mesmo.

Se você é um vencedor, terá alguns falsos amigos e alguns inimigos verdadeiros.
Vença assim mesmo.

Se você é honesto e franco as pessoas podem enganá-lo.
Seja honesto assim mesmo.

O que você levou anos para construir, alguém pode destruir de uma hora para outra.
Construa assim mesmo.

Se você tem Paz, é Feliz, as pessoas podem sentir inveja.
Seja Feliz assim mesmo.

Dê ao mundo o melhor de você, mas isso pode nunca ser o bastante.
Dê o melhor de você assim mesmo.

Veja você que no final das contas, é entre você e Deus.
Nunca foi entre você e as outras pessoas.

Autor: Madre Teresa de Calcutá

3 de abr de 2011

O poder e energia das ervas





Ervas são capazes de aliviar a dor, facilitar a digestão e fortalecer o sistema imunológico. Mas ainda é mistério para a ciência entender por que muita gente acredita no poder que elas têm de atrair amor, proteção e prosperidade.

Podemos encontrar uma pista sobre a origem dessa crença se voltarmos um pouco no tempo. Os egípcios achavam que só os deuses poderiam ter criado plantas tão aromáticas como as ervas, por isso, mantinham-nas por perto para que pudessem se aproximar do sagrado. Até hoje eles queimam o alecrim nos templos e igrejas. Já os romanos faziam coroas de louro aos atletas para que, além de um físico são, tivessem uma mente sã. Daí o ditado "mente sã, corpo são". Sem falar nas nossas benzedeiras, que usam galhos de arruda para espantar a energia ruim que emperra o caminho ou prejudica a saúde da pessoa benzida.

Segundo Adriano Camargo, autor do livro O Poder das Ervas (ed. Panorama), no Brasil, a relação mística com as ervas foi herdada da religião africana e dos rituais indígenas. 

Os adeptos da fitoterapia também recorrem a elas para dissolver sentimentos desfavoráveis: "as moléculas aromáticas das ervas são captadas pelo olfato e traduzidas para o sistema límbico como impulsos nervosos que atuam diretamente no humor, estado físico e emocional", escreve Ângela Lima no livro Banhos Terapêuticos e Ritualísticos (ed. Epub).


Confira as propriedades de algumas ervas purificadoras:


ALECRIM
Origem: Mediterrâneo.
Os gregos faziam coroas com essa erva para usá-las nas festas como símbolo de prosperidade. Se a missão fosse intelectual, entrelaçavam seus ramos no cabelo para estimular a memória. Segundo a cultura popular, suas folhas fazem a energia circular, evitando o acúmulo de vibrações negativas. A infusão usada no banho ou borrifada no ambiente traz equilíbrio e alegria.

MANJERICÃO                                                                                                                                                                                                  
Origem: Ásia.
Associado à riqueza, abundância e boa sorte. Dizem que, na casa onde são cultivados sete tipos diferentes de manjericão, o dinheiro e a prosperidade estão garantidos. Seu aroma é considerado estimulante e revitalizador. Usado no banho, "lava" toda a energia ruim. Diz a crença popular que pessoas que fazem trabalhos intelectuais rendem mais quando têm um vaso da erva no ambiente.

LOURO
Origem: Oriente.
Desde a Antiguidade ele representa a glória, o triunfo e a fama, tendo sido muito usado pelos gregos e romanos como símbolo de status. O imperador romano Júlio César acreditava que a coroa de louro clareava a sua mente, ajudando-o a governar melhor. Segundo a crença popular, manter uma folha seca dentro da carteira atrai dinheiro. E a infusão usada no banho ou no ambiente purifica e relaxa.

BABOSA
Origem: África.
Foram os escravos que trouxeram essa planta para o Brasil. Eles acreditavam que ela tivesse o poder de afastar qualquer tipo de doença. O gel encontrado no interior da folha é considerado excelente para fortalecer os fios de cabelo e tratar queimaduras.

BOLDO DO CHILE
Origem: Chile.
Nas religiões afro brasileiras, ele é conhecido como tapete de Oxalá. É usado para acalmar, permitindo que você tenha uma visão melhor para os negócios e, com isso, maior chance de prosperar. Curiosamente a fitoterapia recomenda o boldo para problemas digestivos e para manter o fígado, órgão da ira, equilibrado.  

ORÉGANO
Origem: Mediterrâneo.
O aroma marcante desta erva promove vigor e ajuda na tomada de decisões. "O orégano e a manjerona (as duas são parecidas) são plantas usadas para fortalecer o amor e proteger a casa. Um vaso com essas ervas é um ótimo presente para quem está triste e deprimido, pois elas atraem alegria e pensamentos felizes", sugere Rosy Bornhausen, autora do bonito livro As Ervas do Sítio (ed. Bei).

SÁLVIA
Origem: Mediterrâneo.
Existe um ditado romano que diz assim: "Como alguém pode ficar doente tendo sálvia plantada no jardim?". Essa planta costumava ser colocada ao lado de uma pessoa enferma para que a folha - comprida, peluda e rugosa - pudesse absorver a energia ruim para depois ser queimada. Na mitologia, a sálvia aparece como um escudo contra mau olhado e olho gordo.

Encontre um espacinho para tê-las sempre ao seu lado.

Fonte : Revista Bons Fluídos - Ed Abril

1 de abr de 2011

Prece Celta






"Que a estrada se abra a sua frente,

Que o sol brilhe morno sobre sua cabeça;

Que a chuva caia de mansinho sobre seu corpo;

Que o vento sopre leve em sua face;

E até que nos encontremos novamente;

Que os Deuses te guardem na palma de suas mãos..."

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Este é um blog do bem, que preserva a ética na net

Este blog contém imagens e textos coletados na Internet.

Caso algo publicado aqui, esteja sem identificação de autoria, peço a gentileza de informar, para que sejam dados os devidos créditos.